Por que ler livros de autores nacionais?

por Geisiane Alves

ler-nacionalQuantos livros de autores nacionais você lê por ano? Ou melhor, você se permite a ler obras da literatura brasileira? Por mais dura que seja, esta é a realidade: pouca gente dá uma chance aos livros nacionais, e se, porventura, lê algum título, pode ter certeza que são os clássicos, obrigatórios no currículo acadêmico, ou livros de não ficção.

Não se pode negar que não há estímulos suficientes para melhorar esse quadro, e o fato de associarmos os nossos cânones com a escola acaba prejudicando a leitura espontânea.

Além disso, a pouca divulgação dos livros de autores contemporâneos vem acrescentar a esse cenário não muito favorável aos escritores principiantes. As pessoas não têm conhecimento do rico acerco que o Brasil possui. E não ajuda muito o fato de sempre acharmos que os livros estrangeiros são mais atrativos e interessantes, principalmente de ficção.

Mas, a partir do momento em que você ler o primeiro livro nacional, propondo-se a dar uma chance aos nossos autores, mesmo que a curiosidade o esteja motivando, perceberá que temos muitos talentos ainda desconhecidos.

Precisamos contribuir para a propagação da literatura nacional, pois há muita coisa boa para ser lida e compartilhada. Deixe de lado os conceitos preestabelecidos e se renda aos universos e situações que a nossa literatura é capaz de nos proporcionar. Devemos parar de supervalorizar tudo o que vem de fora e desprezar o que é nosso. Imagine quantos principiantes temos todos os anos no mercado livreiro, os quais ficam esquecidos porque os leitores brasileiros não conhecem o seu material e nem procuram fazê-lo.

Sabemos também que se o autor em questão for reconhecido na mídia, figura de renome, fica bem mais fácil darmos uma chance. Mas não podemos nos esquecer de que há muitos bons escritores aguardando para serem descobertos.

Por que ler livros de autores nacionais? Porque fala da nossa gente, do nosso país, da nossa cultura. Porque é importante valorizar o que é nosso. Mas, além disso, pode ser uma experiência bastante interessante e proveitosa. Afinal, um autor nacional pode ser tão bom quanto um autor americano ou europeu. E, apesar de já de estar impregnado em nossas mentes o preconceito e as barreiras em relação aos livros de escritores brasileiros, devemos lutar contra isso e dar uma chance para conhecer.

De uma coisa pode ter certeza: você pode ser surpreender! Já temos provado que, em termos de obras de não ficção, os autores nacionais se sobressaem, mas em ficção, será que não há conteúdo bem elaborado e instigante que estamos deixando de lado? Podemos estar perdendo a oportunidade de uma prazerosa leitura, com enredos fabulosos e intrigantes, com situações que, quem sabe, poderíamos estar vivenciando com a nossa imaginação… mas não nos permitimos a isso.

E aí, vamos mudar de concepção e começar a ler livros de autores nacionais? Você não vai se arrepender!